Recents in Beach

Cadeirante de 11 anos morre carbonizado na cidade de Altos

 


Uma criança de apenas 11 anos, identificada como John Allex da Costa Rego, morreu carbonizada dentro de uma residência localizada na Rua Colinas, bairro Santa Inês, Altos (PI), município situado a 41 quilômetros de Teresina. O caso aconteceu na noite desta sexta-feira (27).

O Repórter Ponto 50 viajou até lá e encontrou a cidade no "puro breu", sem energia elétrica. Populares relataram que uma forte ventania passou e "levou" a energia das casas ainda por volta das 17h. Com o avançar da noite, as moradias estavam sendo iluminadas à luz de vela, como manda o costume antigo. 

O temporal derrubou postes e fiações. Equipes da Equatorial, inclusive, trabalhavam para restabelecer o serviço no momento em que a equipe de reportagem chegou ao município.


O pequeno Jhon estava em casa com uma prima. Os demais familiares foram à zona rural de Altos. Na  versão da prima, ela saiu para ir até uma venda e o deixou dormindo com uma vela acesa sobre a mesa. Segundo o perito criminal Dirceu Castelo Branco, a mulher teria demorado pelo menos meia hora, tempo em que a cera da vela queimou e, ao atingir o móvel, houve um processo de combustão que incendiou o local, matando o rapazinho queimado. Como ele era deficiente físico, não teve condições de sair do quarto.

A residência foi isolada por policiais militares da cidade. O corpo foi removido pelos profissionais do Instituto Médico Legal (IML) e levado à sede na capital para posterior liberação à família. Em entrevista ao Repórter Ponto 50, o perito foi taxativo ao afirmar que houve negligência por parte da responsável pela criança. 

"Falta de energia, uma vela acesa dentro de casa em um quarto e uma criança de onze anos sozinha. A pessoa que ficou com ele, saiu para ir na venda, deixou ele por uns 30 minutos sozinho, a vela acabou e queimou a mesa, da mesa [o fogo] passou pros móveis, ele não teve como sair do quarto, infelizmente foi uma tragédia anunciada. A autoridade policial é que vai tomar todas as providências necessárias ao caso", relatou Dirceu.

Confira detalhes abaixo:




Enviar um comentário

0 Comentários