Recents in Beach

EXCLUSIVO: Mais uma mulher relata ter sido vítima de advogado que estuprou faxineira em Teresina

 

Uma mulher procurou a redação do Portal Repórter Ponto 50 e relatou também ter sido vítima, juntamente com uma amiga, do advogado Jefferson Moura Costa, preso em flagrante na tarde da última quarta-feira (14), acusado de contratar uma faxineira e estuprá-la em seu apartamento por volta das 16h30 na rua Honório Parente, bairro de Fátima, zona Leste de Teresina.

Esta nova mulher, que a reportagem vai tratar apenas como Suzy (nome fictício para resguardar a identidade da vítima), contou que só criou coragem em comentar o assunto após ver a notícia publicada em primeira mão ainda ontem pelo Repórter Ponto 50, fato que foi repercutido por toda a Imprensa Piauiense nesta quinta-feira (15).

Suzy preferiu não gravar entrevista presencialmente com a equipe, mas enviou um áudio no qual relata o que aconteceu com ela e a amiga e como as duas se livraram do suspeito. Embora bastante nervosa ao relembrar os fatos, a vítima foi orientada a realizar um Boletim de Ocorrência virtual, através do site da Polícia Civil do Piauí. Cerca de duas após a reportagem trabalhar a edição desta reportagem, o Portal Cidade Verde publicou notícia com o título: Advogado é denunciado por dois estupros em Teresina; vítimas registraram BO's, corroborando o fato de que Jefferson mantinha uma prática recorrente desse crime.

Print enviado por Suzy

O relato de Suzy mostra que o modus operandi do suspeito é semelhante ao do caso da faxineira divulgado ontem. Jefferson surgiu em um carro na rua. As jovens estavam sentadas na calçada da casa da avó de uma delas quando o suspeito parou  e começou a conversar. Ele disse que estava de mudança e perguntou se as moças conheciam "alguém que fazia limpeza". O caso teria acontecido no final do ano passado.

As amigas se prontificaram a fazer o serviço, pois estavam precisando do dinheiro. À época, Jefferson ofereceu R$ 80, 10 reais a menos que o oferecido ontem à faxineira que fez a primeira denúncia. Então as duas foram. "Ela [a amiga] ficou passando as roupas e eu limpando para ser mais rápido, eu num quarto e ela no outro", disse.

"A gente ficou com medo porque a gente nunca tinha passado por aquilo e se fôssemos contar para alguém, ninguém ia acreditar, mas como eu vi a reportagem dele agora, eu pensei, eu tenho que falar porque esse não pode ser solto", comentou.



Transcrição completa do depoimento de Suzy:

"Eu queria dar um depoimento sobre esse caso da moça que foi estuprada por esse advogado no apartamento na zona Leste. O mesmo caso aconteceu comigo, só que eu não cheguei a ser estuprada, graças a Deus. Estava eu e uma amiga minha, ele chegou perguntando se a gente conhecia alguém que fazia faxina ou então até poderia ser a gente. A gente se elegeu e ele ofereceu uma quantia de R$ 80 porque era só pra fazer uma faxina no apartamento. A gente foi. Chegando lá, a gente arrumou tudo direitinho e no final ele começou a falar várias coisas, saliência pra gente, agarrou a gente e aí, ficou masturbando na sala, colocou o órgão genital dele pra fora e ficou se masturbando. Só que graças a Deus a gente conseguiu sair dali, a gente correu, pediu um uber e não vimos mais esse cara nunca mais, graças a Deus", confessou.

Ouça o relato de Suzy:


O CRIME DE ONTEM

Um advogado foi preso no final da tarde desta quarta-feira (14), suspeito de contratar uma diarista e estuprá-la em seu apartamento em um condomínio na zona Leste de Teresina. 

 O marido da vítima contou à reportagem que o homem procurava uma mulher para fazer uma limpeza em sua moradia. Ele combinou de pagar R$ 70 pelo serviço, porém a faxina saiu bem mais cara para a trabalhadora.

Advogado Jefferson Moura Costa, acusado de estupro

PRISÃO PREVENTINVA

O advogado Jefferson Moura Costa, acusado de estupro praticado na tarde da última quarta-feira (14), teve a prisão em flagrante convertida a prisão preventiva, ou seja, ele permanecerá mais tempo preso nesse início de inquérito. 

A decisão é de Markus Calado Schultz, juiz da Central de Inquéritos de Teresina, em atendimento a solicitação do Ministério Público. O documento foi assinado às 13h14 desta quinta-feira (15).


HISTÓRICO CRIMINAL

A ficha criminal do advogado é extensa, em abril de 2010, ele matou com um tiro no abdômen (e assumiu) o cabo do Exército Arione Moura Lima, que tinha 23 anos à época. O crime aconteceu em Picos, município situado 306 quilômetros ao Sul de Teresina.

Em março de 2011, o advogado foi internado em estado grave após causar um acidente que matou três pessoas na BR-110, proximidades de Cícero Dantas, a 302 quilômetros de Salvador, na Bahia. No acidente, ele colidiu com uma ambulância de Canudos (BA). 

Em 2012, quando estava em liberdade provisória, o advogado voltou a ser preso por assediar uma mulher e forçar um beijo em um restaurante da capital. Levado para a delegacia, ele provocou a delegada de plantão à época proferindo palavras de baixo calão contra a DPC.

OAB-PI NÃO SE MANIFESTOU

Passadas 24h desde o crime e a prisão em flagrante do acusado, a Ordem dos Advogados do Brasil - Secional Piauí (OAB-PI) não se manifestou publicamente sobre o caso. Nas redes sociais, o público cobra um posicionamento.

"OAB PI até agora não soltou uma nota de repúdio contra o advogado que estuprou uma moça em Teresina?", tuitou uma internauta.



Saiba onde denunciar assédio, agressão e outros tipos de violência contra a mulher em Teresina:

Qualquer pessoa que presencie, saiba, conheça, veja algum caso ou vítima de violência doméstica pode denunciar anonimamente, facilmente e diretamente pelo site da Polícia Civil do Piauí. O link é este: http://www.pc.pi.gov.br/index.php. Ou clique AQUI que você será encaminhado para o site. Na página inicial, você desce até o final que vai encontrar várias opções para denúncias.

 

Além disso, qualquer pessoa pode baixar o aplicativo Salve Maria pelo celular, fazer o cadastro e realizar a denúncia. Pelo app, o denunciante pode até mesmo adicionar vídeo, foto, áudio, dados como nome e endereço da vítima. 

Se você for a própria vítima e estiver sendo agredida, basta clicar no botão com o ícone da coruja, que a ferramenta envia um chamado para o COPOM. De lá, a viatura mais próxima da sua residência será acionada para lhe socorrer. Para fazer o download do aplicativo, clique AQUI.


Há também Delegacias Especializadas para atender apenas mulheres na capital:

01 - Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher de Teresina (CENTRO)

Endereço: Rua Coelho Rodrigues, 760, Centro, Teresina-PI

Delegada: Maria Vilma Alves da Silva

Email: deamcentro.te@pc.pi.gov.br

Circunscrição => Abrange a zona centro de Teresina-Pl.

--

02 - Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher de Teresina (SUDESTE)

Endereço: Conj. Dirceu Arcoverde (por trás 8º DP), Teresina-PI 

Telefone: (86) 3216-1572

Delegada: Alexandra Santos Silva 

Email: deamsudeste.te@pc.pi.gov.br

Circunscrição => Abrange a zona sudeste de Teresina-Pl.

03 - Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher de Teresina (NORTE)

Endereço: Rua Born Jesus, s/n, Buenos Aires, Teresina-PI

Telefone: (86) 3225-4597

Delegada: Claudia Elisa Ribeiro Pinheiro 

Email: deamnorte.te@pc.pi.gov.br

Circunscrição => Abrange a zona Norte de Teresina-PI

--

04 - Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher de Teresina (SUL)

Endereço: R. Marechal Hermes da Fonseca, s/n, Pra a da Integra ao, Pq.Piaui, Teresina-PI 

Telefone: (86) 3220-3858

Delegada: Georgiane Karine Cardoso da Silva EMAIL: deamnorte.te@pc.pi.gov.br

Circunscrição => Abrange a zona SUI de Teresina-Pl.

Denunciar e buscar ajuda a vítimas de violência contra mulheres (Ligue 180)

A Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180 presta uma escuta e acolhida qualificada às mulheres em situação de violência. O serviço registra e encaminha denúncias de violência contra a mulher aos órgão competentes, bem como reclamações, sugestões ou elogios sobre o funcionamento dos serviços de atendimento.

O serviço também fornece informações sobre os direitos da mulher, como os locais de atendimento mais próximos e apropriados para cada caso: Casa da Mulher Brasileira, Centros de Referências, Delegacias de Atendimento à Mulher (Deam), Defensorias Públicas, Núcleos Integrados de Atendimento às Mulheres, entre outros.

A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana. São atendidas todas as pessoas que ligam relatando eventos de violência contra a mulher.

O Ligue 180 atende todo o território nacional e também pode ser acessado em outros países.

Matérias relacionadas:

Advogado é preso suspeito de estuprar diarista em Teresina; ele também já matou um cabo do Exército

Assista depoimento completo da faxineira estuprada por advogado em Teresina

Veja documento que decreta prisão preventiva do advogado Jefferson Moura acusado de estupro

Enviar um comentário

0 Comentários