Recents in Beach

Homem mata ex-companheira a tiros no Dia dos Namorados e tira a própria vida em Teresina

 Atualização às 15h22

Ana Valeska Araújo de Moraes, 49 anos, gerente de uma Distribuidora de Medicamentos, foi assassinada por volta das 14h15 deste sábado (12), Dia dos Namorados, na calçada da loja Tudo É Festa, Avenida Homero Castelo Branco, zona Leste de Teresina. O acusado de matá-la é seu ex-companheiro, identificado como Vagner Dias de Freitas. A mulher teria ido ao estabelecimento fazer compras.

Clique AQUI e confira a live feita no local.

O Repórter Ponto 50 está na cena do crime desde os primeiros momentos quando o local foi isolado para o trabalho da perícia. O homem utilizou um revólver calibre .38 para matar a ex-companheira. Segundo uma testemunha ocular, o suspeito deu dois tiros na mulher e quando ela já estava caída, provavelmente morta, ele se aproximou e efetuou ainda um disparo na cabeça de Ana.

Luana Alves, delegada do DHPP, que está à frente das investigações

Ainda de acordo com a testemunha entrevistada, em seguida, o homem se afastou para trás e tirou a própria vida com um tiro no peito. A Polícia encontrou alguns boletins de ocorrência na bolsa usada pela mulher, porém o conteúdo das denúncias ainda não é conhecido. 

Ana e Vagner tiveram uma união estável e dois filhos. Ela tinha uma medida protetiva contra o ex-companheiro. No local, equipes da Guarda Civil Municipal, 5º Batalhão de Polícia Militar, Polícia Técnico-Científica e do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). Os removedores do Instituto  Médico Legal já buscaram os corpos no local.

Ana faria 50 anos em três meses

Confira o relato abaixo nas lentes do melhor: RP50


Atualização às 14h47

Neste sábado (12), em que os casais comemoram o Dia dos Namorados, um homem matou a ex-esposa e em seguida tirou a própria vida com tiros de arma de fogo por volta das 14h15 na Avenida Homero Castelo Branco, bairro Jóquei, esquina da loja Tudo É Festa, zona Leste de Teresina.

O homem usou um revólver calibre .38. As informações preliminares apontam que ele não aceitava o término do relacionamento, o que confere ao crime características de feminicídio.

A mulher usava uma vestido vermelho. Os dois corpos, tanto do acusado quanto da vítima ficaram caídos na calçada da loja. 

Duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foram destacadas para atender a ocorrência. Os socorristas constataram os dois óbitos ao chegarem no local. Equipes da Guarda Civil Municipal já se encontram no local.





Enviar um comentário

0 Comentários