Recents in Beach

Tribunal do Crime: Adolescente de 16 anos é encontrada em cova na Santa Maria da Codipi

 

Tatiana Graziela Santos Rodrigues de Jesus, 16 anos, foi encontrada na tarde deste domingo (25), em uma cova às margens do rio Parnaíba na região do grande Santa Maria da Codipi, zona Norte de Teresina. A jovem estava desaparecida desde a última terça-feira (20). Na quinta-feira (22), a mãe da vítima havia procurado a Polícia Civil para registrar Boletim de Ocorrência pelo desaparecimento da filha.

Já na sexta-feira (23), a Polícia Civil do Piauí divulgou uma imagem de Ryan Rodrigues de Paiva, suposto ex-namorado de Tatiana e principal suspeito pelo 'sumiço' da garota.

As informações repassadas pela mãe à polícia dão conta de que na terça pela manhã a jovem a havia deixado de moto no bairro Torquato Neto, zona Sul da capital. Tatiana saiu dizendo que iria para a casa do pai na zona Leste. Depois informou que iria almoçar com um homem e desde então não deu mais notícias.


O corpo da adolescente foi encontrado por policiais do 13º BPM já em estado avançado de decomposição, apresentando mau cheiro e inchaço, uma vez que Tatiana estava sumida há cinco dias. O acesso para chegar até a cova passa pela Avenida Poti e entra em uma estrada de mato. As viaturas do IML, Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) e do próprio 13º BPM encontraram dificuldades iniciais para chegar até o local de difícil acesso.

"Acreditamos que eles [os bandidos] chegaram até esse local pela invasão Lindalma Soares e desovaram essa vítima aqui. Agora a perícia vai fazer os trabalhos, levantamentos para saber se houve algum tipo de perfuração e de quê, se é que tem. Em seguida o DHPP vai iniciar as investigações para localizar os autores desse ato infracional", disse o tenente Elivaldo, do 13º BPM, em entrevista ao Repórter Ponto 50.

Tatuagem ajudou a identificar a vítima

VEJA OS VÍDEOS ABAIXO:



2º corpo encontrado 

Também neste domingo (25), o corpo de um homem, não identificado até o momento, foi encontrado próximo ao Mercado do Peixe, na zona Sudeste da capital, embrulhado em um saco plástico preto e amarrado. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML).



Publicar um comentário

0 Comentários