Recents in Beach

EXCLUSIVO: Veja a chegada do irmão acusado de matar a advogada Izadora Mourão ao DHPP em Teresina

 

Por volta das 22h desta segunda-feira (15) chegou à sede do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) o jornalista e bacharel em Direito, João Paulo Araújo, de 35 anos. Ele é acusado pela Polícia Civil do Piauí de ter assassinado a própria irmã, a advogada Izadora dos Santos Mourão, de 41 anos, na manhã do último sábado (13), no município de Pedro II, situado 210 quilômetros ao Norte da capital piauiense.

João foi preso em flagrante na tarde desta segunda-feira (15) após uma investigação que teve à frente o delegado Danúbio Dias. Os policiais do DHPP encontraram no quarto do acusado a faca utilizada no crime e roupas manchadas de sangue. Até o momento, o homem não confessou o crime e em sua chegada preferiu não responder às perguntas da Imprensa, que montou campana na frente do DHPP desde o início da noite.

O preso será ouvido no DHPP, depois levado ao Instituto Médico Legal (IML) onde fará exame de corpo de delito e em seguida apresentado à Central de Flagrantes. João deve passar por audiência de custódia nesta terça-feira (16), quando poderá ter a prisão em flagrante convertida para prisão preventiva, permanecendo preso durante esse início de processo.

O Departamento de Homicídio deve se manifestar com maiores esclarecimentos sobre o caso na manhã desta terça-feira.


Confira a chegada de João Paulo e uma entrevista do RP50 com o advogado Marcos Nogueira, representante da OAB-PI:


RELEMBRE O CASO

Izadora Mourão foi assassinada com sete facadas na região do tórax e pescoço dentro de sua residência em Pedro II no último sábado. As primeiras informações davam conta de que uma mulher teria adentrado a casa e cometido o crime.



Publicar um comentário

0 Comentários