Recents in Beach

Suspeitos de matar PM Lidio Mesquita trocam tiros com a Força Tarefa; um morto e outro baleado

Pedin não resistiu aos ferimentos e morreu no HUT

Atualizado às 13h26

Em confronto com policiais da Força Tarefa, um dos suspeitos de matar o soldado Lidio Mesquita, foi baleado, não resistiu aos ferimentos e morreu na entrada do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) como mostra a imagem acima.

Confira a chegada ao HUT do segundo suspeito de matar o PM Lídio:
A troca de tiros ocorreu por volta de 12h30 desta sexta-feira (24) nas proximidades da Avenida principal do bairro Monte Verde, zona Norte de Teresina.

O segundo suspeito, embora tenha sido cercado pela polícia, também trocou tiros com as guarnições da Força Tarefa, mas foi baleado e está sendo conduzido ao HUT.

Os suspeitos foram identificados até o momento apenas como Pedin, o que veio a óbito, e Lucas, o que está sendo conduzido ao hospital.


Atualizado às 13h45 

O jovem identificado como Lucas chegou ao HUT, também não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.


O LATROCÍNIO

O soldado Lídio Mesquita foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte) por volta de 14h da última quarta-feira (22) na Vila São Francisco, zona Norte de Teresina. Ele passava pela Rua Augusto quando dois bandidos o interceptaram e o derrubaram da moto.



Quando a dupla percebeu que o policial estava armado efetuaram um tiro contra a nuca do PM e fugiram roubando sua moto.

Lídio estava há 12 anos na Polícia Militar do Piauí. Ele era agente do 13º Batalhão de Polícia Militar de Teresina.
Imagens do momento do crime:


Enviar um comentário

0 Comentários