Recents in Beach

Suspeito de matar idosa na Cerâmica Cil é solto por falta de provas


Francisco William Pacífico da Silva foi colocado em liberdade por volta das 23h deste sábado (25). Ele é o principal suspeito de ter matado Adalziza Maria das Neves, de 67 anos no início da noite no Povoado Cerâmica Cil, zona rural Sul de Teresina. 

O Repórter Ponto 50 apurou com um advogado e um policial civil que o suspeito foi solto por falta de provas. Ele não assumiu o latrocínio e tampouco a arma usada no crime foi encontrada.

Segundo Fernando, sobrinho da vítima que conversou com a reportagem no início da noite, Francisco teria entrado na residência de Adalziza para roubar e a matou.

Vizinhos teriam visto o momento em que ele deixou a casa com uma faca na mão.

Logo após o crime policiais da Força Tática do 17° BPM localizaram, prenderam e encaminharam Francisco à Central de Flagrantes, que foi solto quatro horas após a prisão.

Publicar um comentário

0 Comentários