Recents in Beach

Coronavírus já é realidade nos presídios do Piauí; mais de 30 detentos estão infectados


Quatro internos da Casa de Detenção Provisória de Altos (CDP) contraíram o novo coronavírus. As informações foram confirmadas pela Secretaria Municipal de Saúde na noite da última sexta-feira (12).

O Sindicato dos Policiais Penais do Piauí (SINPOLJUSPI) afirma que os outros dois casos lá registrados são de um policial penal e de um policial militar, totalizando seis pessoas infectadas na unidade.

Já a Secretaria de Justiça aponta que os seis casos são todos de detentos como mostra a nota a seguir.

NOTA - SEJUS

A Secretaria de Estado da Justiça informa que 6 detentos da Casa de Detenção Provisória Capitão Carlos José Gomes de Assis, em Altos, testaram positivo para o novo coronavírus. Os internos receberam atendimento médico e foram isolados dos demais para que se evite o contágio com a massa carcerária.

No litoral do Piauí, na Penitenciária Mista de Parnaíba, pelo menos 26 apenados testaram positivo para o Covid-19. Foi lá que há dez dias o agente penal Nilton Tupinambá faleceu vítima da doença. Com isso já são 30 reeducandos contaminados no Piauí.

O #RepórterPonto50 apurou que também há um caso na CDP de São Raimundo Nonato, extremo Sul do Piauí. O interno inicialmente estava detido em Teresina e foi encaminhado no dia 20 de maio para a Penitenciária Vereda Grande de Floriano, porém após um motim na unidade, 12 presos foram remanejados para São Raimundo Nonato e lá passaram por testes rápidos, um deles apresentou a doença.

Os onze foram colocados em um pavilhão e o que testou positivo foi colocado em uma sala próximo à parte administrativa da penitenciária. Entretanto, a Sejus não confirmou o caso de SRN.

VISITAS SUSPENSAS ATÉ 22 DE JUNHO

Desde o início da pandemia do novo coronavírus estão suspensas as visitas familiares às unidades penitenciárias como medida para evitar a contaminação da população carcerária, o que na prática, não funcionou muito bem, haja vista os casos registrados da doença.

A seguir trecho da portaria da SEJUS que prorroga até 22 de junho as visitas no Estado.




Enviar um comentário

0 Comentários